terça-feira, 26 de janeiro de 2010

Interessante...

- por Rodrigo FeOli -


Eu sempre me indaguei a respeito de quais informações um comunicador, seja em qual vertente estiver, precisa ter para considerar a sua visão de mundo a mais abrangente possível.
Uns dizem que é necessário conhecer de tudo... Isso é um tanto absurdo, levando em conta que tudo é muito para uma vida só. Daí soltam aquela frase: " É preciso conhecer um pouco de tudo..." Bom, aí fica um pouquinho menos que o tudo da frase anterior, mas, mesmo assim, é bastante.
Nesses últimos dias passei por um desses bloqueios criativos. É muito chato! Tudo que a gente começa fica por ali mesmo, sem final. A gente fica como um rádio sem sintonia, uma tv no chuvisco. Me disseram que, nesses casos, é bom se distrair, ler algo, enfim... E foi o que eu fiz!
Entre alguns livros, achei um que me chamou a atenção, chama-se: "Os 10 mais". O livro é nada menos que uma espécie de TOP 10 de várias categorias, com a colaboração de vários famosos... Inclusive publicitários. Aliás, muitas categorias têm informações relevantes., ou nem tão relevantes assim... E não vou colocar as 10 pra não ficar chato né? Acho que vocês entendem...

Os maiores matadores de Holywood: Comecei tirando um sarro já!

1º Dolf Lundgren: 662 pessoas
2º Arnold Schwarzenegger: 538 pessoas
3º Harrison Ford: 508 pessoas
Vocês devem estar pensando: E o Chuck Norris? Bem, aquele super soco dele não matava... Então sobrou o 4º lugar pra ele, com 455.


As maiores palavras da língua portuguesa:

1º pneumoultramicroscopicossilicovulcanoconiótico: 46 letras (doença causada por aspiração de cinzas vulcânicas)
2º paraclorobenzilpirrolidinonetilbenzimidazol: 43 letras (substância química de medicamentos)
3º piperidinoetoxicarbometoxibenzofenona: 37 letras (outra substância química de medicamentos)

Ah, ia me esquecendo, inconstitucionalissimamente ficou apenas em 10º lugar com suas 27 letras...

Os maiores anunciantes do Brasil

1º Casas Bahia: R$ 2,765 BILHÕES
2º Unilever:1,423 BILHÃO
3º Caixa Econômica Federal: 581 MILHÕES

Seguidos pela Ambev, Ford, Fiat, GM, Vivo, Claro e Colgate-Palmolive.

Os maiores produtores de chocolate do mundo

1º Estados Unidos
2º Alemanha
3º Reino Unido

O Brasil vem em 4º lugar... E a Suiça hein?? Devem fazer o mais gostoso... E caro!

Os países que mais compram via internet

1º Coréia do Sul: 99%
2º Alemanha, Japão e Reino Unido: 97%
3º Áustria: 95%


Essas e outras listas, como os 10 nocautes mais rápidos do Tyson, todos antes de um minuto e meio...

Bom, chega né? rsrs Acho que já foi bastante... Se não vira Guiness Book! rsrs...


read more...

segunda-feira, 25 de janeiro de 2010

Logos!!! \o/

por Silmara Fradico

Primeira vez que posto desde que o Rodrigo trouxe o novo layout. Espero que todos tenham gostado tanto quanto eu. E também que eu consiga postar normalmente, sem fazer nenhuma lambança oO.

Sim, minhas férias estão acabando(trágico!!). Mas hoje trago pra vocês um vídeo que me deixou muito empolgada quando encontrei e tive que postar de qualquer forma. Ele foi todo concebido com logos!! É sensacional. Curtam:

video

Update instantâneo: enquanto esperava o video carregar, encontrei esse trailler do curta Logorama, sim é um curta cheio de ação onde os personagens são os mascotes, logotipos e logomarcas famosos. Lá vai o trailler:

video
read more...

sábado, 16 de janeiro de 2010

Aí eu dou valor! nova cara, apenas a cara, em 2010!

por Rodrigo FeOli - Pois é! Agora nosso blog está mais versátil, carregando com muito mais rapidez em seu navegador e, modéstia parte, mais bonito também! Há tempos tinhamos esse desejo e agora conseguimos!
Obrigado à você que nos acompanha desde nosso primeiro post, esperamos que nesse novo ano o blog traga até você ainda mais informação e entretenimento inteligentemente bem humorado!
read more...

quarta-feira, 13 de janeiro de 2010

Por falar em propaganda...

por Rodrigo FeOli

Não é segredo que a propaganda tem a função de transmitir ideologias de todo tipo. Os propósitos que cercam uma ideologia são dos mais variados, bem ou mal intencionados.
O Nazismo encontrou na propaganda uma ferramenta extremamente útil para sua instauração. Através de filmes, aproximadamente 1350, incutiu na mente da população a melhor imagem do regime, exaltando seu conceito político. Tudo isso graças ao ministro da propaganda e informação pública Joseph Paul Goebbels, que lançou uma espécie de saudação que, ao mesmo tempo, soava como um slogan forte e com grande significado arraigado: "Heil Hitler". Goebbels acreditava que o uso do cinema era a forma mais moderna para o alcance das massas. Como era uma tecnologia extremamente recente, acredito que ainda mais penetrante e relevante que hoje, por exemplo.
Claro que o Nazismo é um regime expoente no que diz respeito ao uso de propaganda, talvez pelo uso "genial, porém negativo", mas não para por aí.
Um exemplo claro disso é o desenho que acompanha esse post. Trata-se de um episódio do Pato Donald onde há uma crítica fortíssima ao regime nazista por parte dos Estados Unidos.

Não adianta explicar, é muito melhor que vejam e tirem suas conclusões, garanto que não vão se arrepender!


read more...

sábado, 9 de janeiro de 2010

SURREALISMO...

Por Rodrigo FeOli

O que entendemos como realidade?

Mais uma daquelas perguntas que não sabemos o tamanho da resposta. Para alguns, a realidade é tudo o que nos cerca, o mundo em que vivemos e conhecemos. Para outros, a resposta tende a ser mais longa, e quanto mais longa, ainda menos precisa.
Nem sempre as obras de arte precisam retratar a existência com fidelidade, embora isso seja valorizado, para isso existe a fotografia. A arte, sendo uma ferramenta de expressão do artista, transmite mensagens que vão além do que podemos observar.
O surrealismo foi um movimento artístico surgido nos anos 30, sua bandeira era propor quem o homem tivesse uma visão mais introspectiva de si mesmo, tendo como ponto de partida seus próprios instintos para o desenvolvimento de uma nova forma de expressão artística. Como base, o surrealismo utilizava-se de técnicas freudianas como a livre associação e a análise dos sonhos.
Talvez, quando você estiver frente à uma obra surrealista, você provavelmente sentirá que está sendo provocado, instigado a raciocinar, interpretar de diversas maneiras.
Na comunicação, principalmente em publicidade e propaganda, é rotineiro perceber figuras surrealistas recebendo destaque, pois o objetivo é quase sempre fazer o cliente sonhar com seus produtos. O surrealismo oferece uma espécie de caminho contrário, pois ao invés fazer sonhar, é uma forma de mostrar o próprio sonho, o irreal idealizado. Evidentemente, não propondo levar ninguém ao engano.
Salvador Dalí, Joan Miró e René Magrite são expoentes desse movimento. Claro, não apenas os três. Mas, pessoalmente, gosto mais das obras deles...



René Magrite - Os Amantes

Joan Miró - El Gallo

Salvador Dalí - Persistência da memória

Salvador Dalí - Mae West Face

Agora fica mais fácil identificar que os traços do surrealismo persistem até hoje e são uma verdadeira e antiga tendência...



read more...

sexta-feira, 8 de janeiro de 2010

Sexta...

por Silmara Fradico


... mesmo assim, não tem links!!!

É, é... sem links.
Como já tinha falado antes, estou de férias e por esse motivo não tenho garimpado os blogs de humor e variedades que gosto tanto. Claro que nosso blog não ficaria desamparado, nem me preocupei com isso. O Rodrigo está trazendo ótimos posts pra vocês.

Hoje vou apenas recomendar o ótimo site do Denis Zilber.
Clique na imagem e confira os magnificos desenhos dele.

MulambowDay com chuva ><
read more...

Revista Ilustrar

por Rodrigo FeOli


Mais uma novidade para você que gosta da área de ilustração, design e afins: revista Ilustrar. Essa novidade nem é tão nova assim, pois já está na sua 14ª publicação. Trata-se de uma revista virtual, bimestral e o melhor de tudo: gratuita. Basta fazer o download no site www.revistailustrar.com.
É uma mídia diferente e mais atraente para quem realmente gosta e se interessa pelo assunto, pois além de artistas brasileiros, há também entrevistas e mostra de trabalhos internacionais, todos reunidos num só lugar pelo Ricardo Antunes, editor e idealizador da revista. Vale a pena conferir.

read more...

segunda-feira, 4 de janeiro de 2010

DESIGN CRIATIVO...

por Rodrigo FeOli

Além de criativo, o bom design deve ser funcional,útil.
Nosso cotidiano está repleto de inovações que dão característica peculiar aos tempos em que vivemos. O problema é que nem tudo que se cria tem utilidade e função bem definidas.
Eu observo que a área de brindes tem um destaque especial quando o assunto é inovação, principalmente no Brasil, onde, acredito eu, a criatividade se prolifera com muito menos censura que em outros lugares do mundo.
Vamos aos exemplos.
Imagine que você está atuando em uma campanha de bebida, ou de algum produto de pesca ou lazer. Daí, você sente a necessidade de propor um brinde único, diferente de tudo o que já se viu. Quem sabe você possa propor uma cadeira como essa:


Logo que vi essa cadeira, percebi uma praticidade enorme. É um produto que economiza espaço, não parece ser caro e nem difícil de ser produzido e, provavelmente, pegará seu concorrente de surpresa pela audácia em oferecer cadeiras como brinde. Imaginou um logo de alguma marca de cerveja numa dessas cadeiras? Eu também...

Outra área que tem uma ótima conexão com o design é a promoção de eventos, feiras, etc. Os espaços nos stands são muito bem pensados, meticulosamente propostos com uma finalidade específica de atrair o consumidor, além de promover uma ótima imagem da empresa.
Peças de utilidade prática geralmente fazem mais sucesso devido à grande quantidade de benefícios que podem proporcionar. Se você tiver um cliente da Bienal do Livro, por exemplo, poderá propor peças como essa poltrona:

Serve para sentar, para estocar seu acervo de livros e ainda te proporciona proximidade entre uma boa leitura e um bom lugar para ler.

O mesmo ocorre com a disposição de PDV (pontos de venda). Propostas, inclusive, irreverentes. Já imaginou mesclar realidade com a linguagem dos cartoons?


Esses exemplos são uma parte ínfima dentro de um verdadeiro universo de possibilidades. Vale a pena pesquisar.
read more...

COR

por Rodrigo FeOli


Quantas cores existem? Você tem ideia?


Vamos aos dados: * A Natureza conta com aproximadamente 16,7 milhões de cores, distribuídas em um espectro eletromagnético que é compreendido entre 400 e 700 nanômetros. Entre tantas cores, pouco mais de 7000 podem ser representadas em um impresso.
Maior pavor mesmo é compreender que as cores não existem! Isso mesmo! Ou você duvida? Pinte as paredes do seu quarto, uma de cada cor. Agora feche as portas e janelas, não deixe a luz entrar de jeito nenhum. Pronto! Sua dúvida foi embora junto com as cores que você não vai ver até acender a luz de novo!
Sempre que precisamos escolher uma cor, seja para o que for, sempre levamos em conta nossass preferências. Não é à toa que temos a nossa cor preferida. Se você é um designer ou está na tentativa, deve ter precebido que há uma certa rotina em utilizarmos cores um tanto quanto parecidas nas artes que fazemos. Isso é ruim e bom ao mesmo tempo, pois, de certa forma, reduz a utilização de outras possibilidades, entretanto, é parte de seu estilo próprio.
A cor possui um aspecto cultural extenso,esse, muito além das preferências. Cada povo, cada cultura faz uso de tintas nas pinturas tribais com significados próprios e profundos. Culturas diferentes utilizam cores diferentes para o mesmo ritual, por exemplo, viuvez, na Índia usa-se branco, enquanto na maior parte dos outros países a cor preta.
A falta de compreensão, falta de aceitação mútua, já fez e ainda faz com que pessoas odeiem outras simplesmente pela cor de sua pele, inclusive chegando à tornar semelhantes em escravos , entendendo que haviam raças superiores ou inferiores pela cor que tinham. Tudo por causa da cor? Talvez! Tudo por causa de algo que nem existe.
A cor não é vilã, nem réu, muito menos inocente. É simplesmente cor, que atribui significado a praticamente tudo que nos rodeia. Muito além dos livros e tratados sobre a cor e seus usos e abusos, seria bem mais interessante observar o que vc vê (parece um pleonasmo mas não é!) Vemos, mas não enxergamos, olhamos, mas não vemos. E ainda dizem que a genialidade está em descobrir o óbvio. Ser capaz de vê-lo é a dádiva de criar, mas o danado se esconde bem escondido, camuflado entre as cores do nosso cotidiano.
read more...

sexta-feira, 1 de janeiro de 2010

Sexta...

read more...